segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Minha visão sobre amizades, falta de respeito e comportamento.




É muito difícil reconhecer nosso defeitos mas eu reconheço os meus . E vou citar dois deles, sou muito tolerante e compreensiva. Embora eu esteja me moldando para mudar isso, confesso que ainda sou um pouco assim. Não sou do tipo que julga as pessoas, não sou maldosa mas estou começando a ficar para que eu seja menos feita de idiota. O lado ruim disso é que eu acabo achando que tudo que me fazem é de propósito, fico com raiva das pessoas e a cada dia confio menos no ser humano.

Sempre fui daquele tipo que se coloca no lugar dos outros, que procura desculpas para tudo que as pessoas me fazem (Disse que ligaria e não ligou ? É porque está sem crédito, sem bateria, teve algum problema; Prometeu algo e não cumpriu ? Algo deve ter acontecido !; Entrei no msn e a pessoa saiu justo quando falei com ela ? Foi coincidência, ela estava mesmo saindo quando entrei. ; Minhas amigas saíram e não me convidaram ? É porque acharam que eu não iria gostar da saída) e por ai vai.

Por conta desse meu jeito eu sempre me sinto sacaneada, feita de besta. Porque as pessoas prometem as coisas pra mim, não cumprem e ainda se fazem de vítima. Poxa, por que prometer se você não sabe se vai poder cumprir ? O pior é que elas se aborrecem quando são cobradas, quase que se sentem ofendidas. Perai, a ofendida deveria ser eu, certo ? Se não querem ser cobradas então façam por onde cumprir seus compromissos e promessas, concordam comigo ?

Quantas vezes aconteceu de uma pessoa me ligar, me chamar pra sair, marcar tudo e depois desistir sem nem ligar pra me dar uma satisfação ? Teve uma ocasião que fiquei plantada, maquiada, e quando eu ligava pra pessoa o cel estava desligado. Fico me perguntando o porquê de se fazer isso e ainda por cima se dizer "seu amigo". E quando você consegue, depois de muito tempo, falar com a criatura ela ainda por cima se comporta como se você fosse adivinho : "-Ah, mas você deveria ter imaginado que eu não iria mais !" CARAMBA, se eu tivesse bola de cristal eu estaria rica e não faria tanto papel de tola por ai.

E então quando você comenta com outras pessoas sobre esse tipo de sacanagem, ai te dizem:
"-Ah, mas você sabe que fulaninho(a) é assim !". Quer dizer, todo e qualquer tipo de falta de consideração, respeito e caráter é justificado assim, como se fosse um "traço de personalidade"da pessoa.

Eu não sei vocês mas eu não me acostumo a conviver com gente assim, que acha normal dizer que vai ligar e não liga; gente que marca saída e não confirma, nem desmarca; gente que promete uma coisa pra ti e não cumpre; gente (digo tudo isso ai, independente da classe social e sexo) que diz que te adora mas não pega a P***** do cel ou tel e te faz uma ligação; gente que te vê no msn e sai, ou então, fala um segundo contigo e diz que vai sair porque vai ver tv ou dá uma desculpa mais imbecil que essa (eu sei que ninguém é obrigado a conversar no msn, mas eu acho que educação e consideração não matam ninguém. Custa dar um pouco de atenção ? E se sua intenção não é ficar no msn então porque você está lá?).

Eu penso que depois que descobriram que não existe "obrigação" para nada, as pessoas ficaram muito egoístas e mal educadas. "Não tenho obrigação de ouvir uma amiga que está triste, de dar apoio, consolo, ajudar e animar", "Não tenho obrigação de ser legal, educada, leal, respeitosa", "Não tenho obrigação de chamar minhas amigas todas pra sair, afinal de contas, apenas Fulana, Siclana e Beltrana me serão úteis e me beneficiarão em algo (me darão vantagens!)", " Não tenho obrigação de ser educada, estou aborrecida e não quero ser legal com ninguém porque fui sacaneada!". Percebo claramente que a mentalidade das pessoas está dessa forma. E assim, fica muito difícil (pra não dizer impossível) conviver com as pessoas.

Eu escrevi esse texto porque eu sempre comento que minhas amizades se afastaram de mim, o que é verdade, mas também posso dizer que fico até sem vontade de voltar a falar com essas pessoas por que muitas delas tem exatamente essas atitudes insuportáveis citadas acima. E o pior é que não adianta você conversar, explicar que esse jeito deles de ser é errado, é falta de respeito, irrita, e que eu não gosto, por que as pessoas simplesmente não mudam e deixam claro que não querem mudar. Eu até fico achando que fazem as coisas para me pirraçar, sacanear, como se isso fosse uma espécie de imposição, entende ? Como se a pessoa tivesse Síndrome de Gabriela:



" ... Eu nasci assim,
eu cresci assim
e sou mesmo assim,
vou ser sempre assim,
Gabriela, sempre Gabriela ..."

Pessoas com essa forma de pensar não fazem nada para melhorar como ser humano. E ainda acham que isso é algo da qual elas possam se orgulhar !


Muita gente tem ficado assim, egoísta, sacana, escroto, interesseiro, sem respeito e consideração com os outros. Esse tipo de situação não acontece apenas comigo. Eu queria que as pessoas entendessem que esse comportamento não é um traço de personalidade, é mau caratismo. E que tudo aquilo que elas fazem um dia elas recebem de volta, afinal de contas, um dia elas precisarão da atenção de algum amigo e se verão sozinhas.

Quando converso com outras pessoas fora do meu círculo noto que elas tem as mesmas queixas, ou seja, não adianta eu me afastar de quem me trata assim pois esse tipo de comportamento não é exclusivo dos grupos que conheço. Não adianta nada eu querer deixá-los de lado e fazer novas amizades pois trocarei seis por meia dúzia.



Então eu pergunto a vocês, como fazer para conviver com essas coisas que detesto (sem ter um ataque cardíaco de tanta raiva) a cada vez que sou tratada desse jeito abominável?





















3 comentários:

  1. Seu texto tem bem a ver com meu momento. Houve uma época distante que eu era tolerante também e perdoava tudo dos outros, com o tempo a vida te ensina mesmo que os furinhos da peneira tem que ser bem fininhos que é pra separar o que presta do que não presta.

    Tem um tempo que ando em conflito com amizades e tomei uma decisão de só valorizar agora quem fizer o mesmo comigo. Chega de tentar entender o descaso dos outros.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  2. Oi Ella! Informática definitivamente não é meu talento, sou uma anta pra tudo isso aqui, só sou boa em navegar na internet... rs.

    Mas uma blogueira que entende, a Elaine Gaspareto, disse que essa mensagem de vírus é um bug que atacou o blog através dos contadores que os blogueiros instalam em seu blog. E se algum blogueiro da lista de blogs que tem aí listada no seu estiver com esse problema, o sistema reconhece que vc tb tem e dá o tal aviso.

    Então o conselho dela é que retire o contador e a lista de blogs do seu blog. Funciona para algumas pessoas, mas não para todas.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  3. Por nada, Ella! Na verdade quem deu todas as dicas foi a Elaine, ela merece os créditos... rs.

    Beijocas

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo, sinta-se à vontade para interagir. Seu comentário com certeza me trará alguma ajuda. Participe, comente, critique, dê palpites, me aconselhe. Obrigada a todos que estão de alguma forma me ajudando !

*Comentários ofensivos ou inadequados serão deletados automáticamente. Falta de educação, não ! Obrigada !