domingo, 8 de setembro de 2013



Ando tão de saco cheio da vida. Parece que nada tem graça, não há nada de novo para ser visto. Parece que entramos na segunda era das trevas. Músicas ruins, programas sem qualidade, artistas sem talento, filmes que prometem surpreender mas poucos cumprem esse papel, novelas com histórias de vingança e ódio (me dá muito medo essa obsessão das pessoas por esse tipo de enredo, vejo gente vibrar com isso, penso que não é um bom sinal ), valores invertidos (o legal é ser egoísta, escroto, falso, isso virou o "saber viver" da nossa época), escritores medíocres chegando no patamar das vendas, a nossa gramática está sendo jogada no lixo, educação virou coisa de gente "coxinha", o estudo não é valorizado, entre tantas coisas absurdas que são vistas como normais.

Nossa sociedade está retrocedendo.



quinta-feira, 1 de agosto de 2013




Fiquei 10 meses sem blogar, nossa ! Nunca abandonei esse espaço mas confesso que a vida andava muito corrida e eu não estava tão a fim de escrever aqui. Fui ler o último post e vou dar notícias dessa amiga: voltamos a nos falar e ela tem uma dependência amorosa doente. Ela quer muito terminar e não consegue... sabe o que o sujeito não vale um grão de feijão, mente, sai e não a convida, só aparece na casa dela quando não tem programa melhor, não é carinhoso, não comparece (acreditem) e mesmo assim ela não consegue terminar. Diz que vai mas não vai. Sinto pena mas parei de dar conselho... o que posso fazer? Rezar por ela. 

Acho que entrei numa fase egoísta. Gosto de ouvir meus amigos, dar conselhos e tudo mais contudo ando de saco cheio de ver as mesmas pessoas, com os mesmos problemas e tudo isso porque elas não conseguem dar um "Não", um "Basta !". Enfim, não quero me alongar mais nesse assunto. Cada um com sua cruz!

Outro dia eu volto com novidades!



quinta-feira, 29 de novembro de 2012

FALA UMA COISA MAS FAZ OUTRA



Depois de tanto tempo estou aqui  para falar sobre uma situação que não consegui entender... se alguém ainda ler esse blog e quiser me dar opinião sobre o que passou na cabeça dessa minha amiga, com certeza vai me ajudar a compreender por que tem gente que é assim...


FALA UMA COISA MAS FAZ OUTRA !




Eu tenho uma amiga que tinha terminado um relacionamento já fazia um tempo e na época dei graças a Deus pois eu nunca suportei o cara. Resolvi dizer isso a ela, falei tudo aquilo que eu achava dele e ela me disse que eu não era a única que pensava isso tudo sobre o dito cujo. 

Sabe aquela pessoa que te puxa pra baixo e só te coloca para trás ? Pois ele era assim. Além de horroroso, era muito antipático (ele não suportava nenhuma amizade dela e vice-versa), vivia sério, carrancudo, reclamava de tudo, era derrotista (achava que nunca conseguiria um emprego melhor e não se empenhava em terminar a faculdade, coisa que deveria ter feito há muito tempo), morria de ciúmes dela, era pão duro ao extremo, enfim, o tipo de homem com o qual nenhuma mulher deveria se envolver. Ao dizer tudo, ela me confessou que pensava exatamente como eu e não entendia como podia ter se envolvido com uma pessoa como ele.

Eu comentei que ela estava mais bonita depois do término pois tinha começado a fazer ginástica (e emagreceu muito), o cabelo estava mais bem tratado, ela tinha um sorriso e um brilho no olhar que inexistiam na época que namorava. Ela conseguiu um bom emprego, comprou seu carro, estava progredindo na vida e transmitia felicidade. Eu estava feliz por ela.

Ela continuou sendo amiga dele pois tinha pena e o rapaz vivia ligando pra ela querendo voltar, mandava mensagem, se humilhava ao extremo. Ela se manteve firme e sempre que conversávamos, acabávamos rindo dele pois ela passou por coisas absurdas por conta do jeito intragável dele de ser.

Então, depois de uns anos, as coisas não estavam muito bem pra ela... estava sendo prejudicada no emprego e acabou sendo despedida. Mas não se abateu, continuou em frente. Durante toda o tempo que ficou solteira, saiu, se divertiu, viajou, paquerou, beijou na boca mas não conseguiu nenhum namorado. E olha que é uma menina bonita e cheia de predicados.

E eis que do nada, eu descubro que ela 
VOLTOU PRA ELE !



Leitores (se é que alguém lê esse humilde bloguinho), eu fiquei tão decepcionada ! Ela sequer ela teve coragem de me contar ! Depois de ter falado tão mal dele, de ter dado graças a Deus por tê-lo largado, ela volta com o cara !

Eu não falei nada, fingi que não sabia mas confesso que até hoje não consigo falar com ela. Não tenho vontade pois sei que vou acabar perguntando o que houve para que ela cometesse essa loucura ! E vou acabar dizendo que estou decepcionada com a atitude dela e que não posso confiar em uma pessoa que diz uma coisa e faz outra.

Sei que a vida é dela, é ela quem toma as decisões, sei que não tenho nada com isso e quem sou eu para tomar satisfações, não é verdade ? Mas eu não consigo mais confiar nessa minha amiga e olha que ela era minha confidente !

Se alguém estiver ai lendo, me diz, por que será que ela tomou essa atitude ? Vocês acham que ela é uma pessoa digna da minha confiança ? Acham que eu deveria falar para ela o que penso sobre isso que ela fez ?



sexta-feira, 11 de maio de 2012

Mudanças


Tudo na vida muda. E como muda ! Sempre muda mesmo que não queiramos e mesmo que não procuremos por isso. E essa palavra - mudança - tem sido uma constante em minha vida. Algumas vezes as mudanças foram ruins, outras péssimas, algumas insuportáveis; enfim, nenhuma dela foi legal. Em algum momento aconteceram coisas boas sim. Poucas vezes ótimas. Mas foram tão poucas vezes - e paguei um preço tão caro por essas poucas alegrias - que não sei ao certo dizer se valeu a pena.

Tudo na vida muda, passa. Até o blogger mudou ! E então que entro aqui e vejo tudo mudado, remexido, virado. E quem foi que fez isso ? Por que essas coisas aconteceram ? Por que tem que ser assim ? Alguém perguntou se eu queria que mudassem algo em minha vida ? Como vou entender o que está acontecendo ?

Pois é, assim como o blogger mudou sem o meu consentimento, muitas coisas, há muito tempo, vem mudando em minha vida. E esses questionamentos sempre passaram pela minha cabeça. Sabe por quê? Porque eu nunca quis que mudasse nada em minha vida. Por que eu nunca pedi ou procurei por isso. Porque tudo aconteceu, nada foi programado por mim, nada foi traçado de acordo com minha vontade. Um belo dia eu tive que dançar conforma a música. E depois de novo, e de novo e de novo. E só quem passa por isso entende como é difícil passar por tudo isso inteira. E só eu sei como eu ando despedaçada ! 

Minha vida tem mais buraquinhos do que a música do coração com buraquinhos (da novela Chiquititas). E não adianta reclamar, chorar, sentir ódio, ter pena de mim mesma ou querer culpar alguém. Nada mudará minha vida, meu destino, minhas dores e agonias. Não tem como voltar. O jeito é seguir em frente, pensando muito, muito mesmo. E procurando aprender a não criar expectativas (como isso é difícil, minha gente, até porque, viver sem expectativas faz a gente ser menos otimista).

Eu olho pra trás e vejo tudo que eu queria ter sido as não fui. Culpa minha ? Não. E de quem é ? Não importa de quem é, saber o culpado não mudará em nada. Lutei, lutei e lutei. Estou ainda lutando mas algumas vezes a coragem parece sumir...um conformismo começa a querer surgir...um coitadismo querendo tomar conta de mim mas eu não posso deixar. Porque chorar na cama não vai me ajudar em nada ! 

 Eu vou dizer uma coisa,lutei muito para ser uma pessoa muito diferente do que eu sou. Por isso mesmo eu digo que não existe essa his†ória de lutar pelo destino. Nosso destino está traçado, marcado, escrito com caneta. Não tem como escapar ! Se a gente pudesse fazer a nossa vida, seria sempre feliz, realizado, alegre. 

Não existem alternativas ou escolhas. Você pode escolher se usa vestido ou calça, se come salada ou hamburguer mas com o destino, a vida, o que realmente importa, não tem como escolher. Ele cai como uma bigorna na sua cabeça e tu que aguente ! Porque se a gente escolhesse a nossa história, não teria decepções, sofrimento, ilusões.

O que eu escrevi pode não ter sentido para você ai que lê (se é que alguém lê esse blog) mas tem sentido pra mim. 

 Obrigada a quem lê !

sábado, 24 de dezembro de 2011

Como foi o seu ano ?




* Nao reparem a falta de acentos, deu algum problema aqui no computador ! *

Hoje, na noite de Natal, fiquei pensando no meu ano. Um saco isso da gente pensar mais nas coisas ruins do que nas boas e essa noite estou assim. Triste porque eu imaginei algo diferente pra minha vida... eu estava empregada(muito bem, por sinal), dividia um apt com uma amiga super legal e acreditava que subiria de cargo e moraria sozinha. Aconteceu o contrario, perdi o emprego e sem conseguir outro, me vi obrigada a voltar a morar com meus pais e irmaos. Amo minha familia mas amo mais ainda minha independencia.

Minha irma mais velha (ja casada) esta aqui feliz da vida com seu marido e eu senti inveja dela. Queria ja ter passado por essas etapas da minha vida. Ela se formou, conseguiu um emprego legal, noivou e casou. Tudo certinho. Tem sua casa propria, carro, ela e o marido viajam no final do ano e sao felizes. Claro que eles tem problemas como todas as pessoas normais mas no geral, sao realizados. Eu estou formada, estava com um emprego tao bom e achei que seguiria o mesmo rumo dela. Namorado eu ja tenho mas nos dois nao temos condicoes de manter uma casa. Enfim, e assim. A ceia esta arrumada e pela milesima vez meu pai perguntou quando nos casaremos. Outros parentes estao fazendo a mesma pergunta e eu acho isso tao chato, fico sem graca por que eles deveriam saber que se a gente nao casou foi por nao poder. Meu namorado tem jogo de cintura, sorri, diz que estamos a espera do apt ideal e que eu ainda nao decidi pelo vestido de noiva. Vim pra ca mexer no computador por que nao queria chorar na frente das pessoas. Estou triste.

Sei que no post passado eu falei que a minha vida está melhorando, a custa de muito trabalho, muita fé e esperança mas nao esta como deveria ser. Conseguem entender isso ? Eu deveria estar em um patamar diferente da minha vida. Mas ao inves disso estou sofrendo um retrocesso. E por mais otimista que eu tente ser, eu nao consigo segurar a barra e ser forte sempre.

Eu sempre fui contra essa afirmacao e que as pessoas fazem seu destino, que basta lutar e se consegue as coisas. Eu sou uma prova viva do contrario. Fora o fato de que conheco muita gente que nunca deu bola pra estudo e trabalho, e por pura sorte ou bons conhecimentos, esta muito melhor que eu.

Talvez eu me sinta assim por que sempre vi minha irma como modelo e eu achava que teria a vida como a dela. Me cobro muito isso e de uma forma simples e indireta, sou cobrada pela familia toda. Por ter sempre sido batalhadora e estudiosa eu imaginava que teria uma vida muito acima do que eu tenho. So que a vida nao e como a gente quer. A vida acontece ... e nem sempre acontece como deveria.

Apesar de tudo, Feliz Natal pra mim e voces todos !

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Não abandonei o blog !


Estou aqui para lembrar isso a todos vocês, caros leitores ! Depois de tanto tempo sem postar, vim dizer que minha vida está melhorando, a custa de muito trabalho, muita fé e esperança. Acontecem coisas boas e ruins mas estou aprendendo a lidar de um forma diferente.

Preciso ter paciência.Ou aprender a ser tolerante. Não é fácil mas preciso aprender.
Se eu não conseguir ter paciência e/ou ser tolerante, eu preciso pelo menos ignorar quem/o que me incomoda. A droga é que chega uma hora que eu não aguento e explodo ! Boto pra fora mesmo, não consigo guardar. Parece que se eu não colocar pra fora eu vou ter uma úlcera !

O mundo é estranho, as pessoas são estranhas e por mais que eu amadureça, sinto dificuldade em aceitar o mundo e as pessoas como são. Eu estou sempre mudando, amadurecendo, melhorando como ser humano mas nem todo faz (ou quer fazer) o mesmo. E sendo assim, a vontade que eu sinto de me afastar de alguns é muito grande; pena que não dá pra fazer isso com todo mundo.

Com o advento das redes sociais as coisas pioram por que muitas vezes lemos comentários e opiniões tão absurdas que eu me surpreendo com os meus contatos. Fico a pensar como são infantis, fúteis, ignorantes, exibidos, ignorantes (falta de conhecimento mesmo). Eu até dou um desconto quando isso vem de adolescentes e crianças, mas de adultos, é inadmissível !

Enfim, a cada ano que passa eu amadureço uns 10 anos.Pena que nem todo mundo entra no meu ritmo.

* Estou com saudades de ler os blogs de vocês e prometo fazer isso. Se até o Natal e Ano Novo eu não postar nada, então, desejo a todos vocês um feliz natal e um ano novo repletos de bençãos. Que Jesus esteja sempre nas nossas vidas !

sábado, 15 de outubro de 2011

Sem paciência com as pessoas !

# Um aviso: Estou ácida nesse post, cuidado para não se queimarem ! #

Estou assim mesmo, sem paciência alguma com as pessoas. Sem vontade de ver gente, conversar, ouvir, enfim, estou extremamente antissocial. Por quê ? Boa pergunta. Nem eu sei. Claro que depois que meu problema começou (meu desemprego) eu comecei a ficar de saco cheio de um monte de coisas (principalmente das pessoas me perguntando se eu já consegui trabalho) mas ultimamente tudo está me aborrecendo em demasia. Não sei mais como lidar com isso !


# Até as redes sociais estão me incomodando. Sempre a mesma coisa, gente recalcada colocando aquelas mensagens insuportáveis sobre os homens, seus erros e defeitos, a falta de reconhecimento da mulher perfeita; vejo um monte de mulheres mal resolvidas, problemáticas, que ao invés de se manterem sozinhas para se autoconhecer (e assim, aprenderem a se amar, curar suas feridas e depois se abrir para um novo amor) ficam colocando indiretas para todos os homens lerem na esperança de que eles mudem.


Dica: Não percam tempo fazendo isso, eles não mudarão por causa do recadinho, fora que vocês passam a mensagem de que foram abandonadas, traídas e estão sofrendo. Pagação de mico desnecessária !



# Um monte de gente que coloca foto de balada, cercados de bebidas, caras bêbadas, baladas chiques ou lugares mal frequentados, mostrando aquela felicidade momentânea que a mim não engana. Coisa mais triste ver esse povo se afundar, poses vergonhosas,tirar fotos abraçados à garrafas, segurando copos, pagando mico, queimando o próprio filme por que tendo esse tipo de fotos em redes sociais, a única coisa que se consegue é falta de respeito alheia.



Dica: Desculpa se pareço puritana (longe de mim ser) mas se quer bagunçar, pelo menos faz direito, não fica se expondo para que depois não usem tudo isso contra você. Por que seu amigo de hoje pode ser seu inimigo de amanhã (vivemos cercados de falsos amigos e fotos são um prato cheio para se estragar a vida de alguém), fora que muitas empresas costumam olhar os perfis dos seus candidatos antes de uma entrevista, e perder bom emprego por causa de foto ridícula, é muita burrice. Tenha bom senso, seja comedido e não coloque fotos.



# Alguns entram numa de colocar foto de comida, nunca entendi isso. Pra quê, me diz ?



Dica: Se quer mostrar que sabe cozinhar, convide seus amigos para almoçar, assim você une o útil ao agradável; mata saudades e mostra seus dotes culinários.


# Eu não aguento, verdade, aquelas frases de autores famosos que são postadas SEM os créditos. Por favor, vocês acham que todo mundo é burro ? Desinformado ? Ignorante ? Colocam essas frases para quê ? É uma tentativa de parecerem inteligentes ?


"Tudo vale a pena quando a alma não é pequena." Marieta da Silva


Dica: Se vocês fazem isso para parecerem inteligentes, mudem de tática, por que isso mostra exatamente o contrário. Coloquem o nome do autor, ISSO sim, é ser inteligente.



# E aquelas frases falando sobre amor ao próximo ? Conheço uma pessoa que não vale um pacote de naftalina, fala mal dos outros, debocha dos outros na cara, enfim, não presta (e se eu a tenho nas redes sociais, tenho por que aprendi que falso amigo é melhor estar na nossa vista, para que assim a gente possa se precaver) e ela A D O R A colocar esse tipo de frase. Quem não a conhece e lê, pensa que ela é uma boa samaritana. Sim, vai nessa ! O pior é que ela é bem daquele tipo que engana, sabe ?

Dica: Não pregue nas redes sociais aquilo que você não faz na vida real. Uma hora a máscara cai e fica feio pra você !



# E aquelas pessoas que precisam falar a todo momento de tudo ? Tudo que compram. Deus, devem ser ricas por que vivem em função de comprar, tirar foto, colocar em rede social e tirar onda. Fora aqueles que colocam fotos de todas as viagens, passeios, festas, batizado de boneca, aniversário de cachorro, enterro de bisavó ?

Dica: Nem todo mundo está interessado na vida particular de vocês, acordem ! Manter a privacidade é bom. Fora que não adianta você fingir ter uma vida que não tem (digo isso por que muitos se viram nos 30 para poder manter aparência.)



# Tem também aqueles sempre TÃO felizes ! Deus, como suas vidas são maravilhosas, saem de quinta à domingo, viajam sempre, estão sempre fazendo compras, seus maridos\esposas são os melhores do mundo, um monte de declarações de amor, fotos de tudo. Sempre frases de alegria, satisfação, contentamento. Não sou uma pessoa chata, rabugenta, incrédula no amor e felicidade, mas também não acredito em quem é feliz o tempo todo. Da mesma forma que não creio nas pessoas que são sempre infelizes.

Dica: Acho bobagem querer mostrar pra todo mundo que sua vida é perfeita, até por que a de ninguém é. Você não engana a ninguém e ainda por cima atrai um monte de invejosa, que com certeza, uma hora vai arrumar um jeito de estragar sua alegria. Acorda e abre o olho !

Por enquanto não lembro de mais tipos, só sei que isso tudo cansa. E por esse motivo, entro cada vez menos; só vejo se tenho recados e tchau. Pessoas fingidas, exibidas, sem conteúdo, gente que depende de mãe e pai para poder pagar as contas ( e em muitos casos, gente casada e com filhos), casais que se odeiam colocando foto junto com declaração de amor, entre outras situações ridículas. Tudo tão falso, tão sem graça... conheço a realidade de muitos ali e por isso mesmo sinto uma vergonha alheia absurda ! E ai eu pergunto, acham que enganam quem ?

Eu sei que alguns lerão meu post e me acharão uma pessoa amarga, infeliz e até mesmo recalcada mas eu garanto que não sou. Apenas sou realista e vejo a vida de uma forma nua e crua. Para quê fingir o que não sou ? Para quê mostrar uma vida que não tenho ? Enganar a quem ? Não é preciso usar as redes apenas para reclamar, discordar de tudo, ser um chato de plantão mas por favor, bom senso, gente !

Antes que me perguntem que tipo de assunto eu coloco nas minhas redes, respondo logo que gosto de falar sobre livros, reportagens interessantes, músicas, curiosidades, esse tipo de coisa. Por que eu aprendi que falar da minha vida só serviu para que meus falsos amigos me prejudicassem, fora que minha vida particular não interessa a ninguém, somente a mim. Quem quiser saber mais a meus respeito, que me procure, me visite, me telefone, enfim, que conviva comigo. Acham que estou errada ?